Monthly Archives: novembro 2008

Monthly Archives: novembro 2008

Mesa redonda com Matheus Nachtergaele

postado em by Pablo Villaça 16 comentários

Esqueci de comentar: no dia 15 de janeiro, mediarei uma discussão com o ator e diretor Matheus Nachtergaele sobre seu filme A Festa da Menina Morta, em Salvador. Quando tiver mais detalhes, posto aqui.   Update: À primeira vista, pode parecer estranho que eu esteja marcando tantas atividades profissionais para o período das primeiras férias que tiro em quatro anos, mas, como típico workaholic,  sei que curtirei mais minha passagem por Salvador se souber que também aproveitei para trabalhar um …

Curso de Teoria – Avaliação dos Alunos

postado em by Pablo Villaça 7 comentários

Hoje foi o último dia de aula do curso de Teoria, Linguagem e Crítica Cinematográficas em Belo Horizonte. Ao final, entreguei uma avaliação para que os alunos dessem uma nota de 1 a 5 para os seguintes itens: Infra-estrutura (instalações, recursos audiovisuais, atendimento, lanche); Conteúdo; Didática (clareza de exposição, domínio dos conteúdos); Estrutura do Curso (ordem dos conteúdos, divisão do tempo disponível). As médias das notas foram as seguintes: Infra-estrutura: 3,97 Conteúdo: 4,63 Didática: 4,80 Estrutura do curso: 4,36 Lembrando …

Ratatouille

postado em by Pablo Villaça 36 comentários

Hoje assisti a Ratatouille pela primeira vez desde que escrevi minha crítica, no ano passado. E mesmo tendo amado o longa desde aquela ocasião, fiquei surpreso com minha reação desta vez, já que, no momento exato em que Anton Ego prova o prato preparado por Remy e mergulhamos em sua experiência psicológica e emocional, perdi o fôlego. Literalmente. Foi como se toda a intensa reação provocada pela seqüência tivesse preenchido meu corpo completamente, expulsando até mesmo o ar para liberar …

Curso em Salvador

postado em by Pablo Villaça 4 comentários

A página da edição do curso em Salvador já está no ar, para os interessados.

Clint Eastwood ficou gagá

postado em by Pablo Villaça 22 comentários

É a única explicação para isso. A única.

Curso de Teoria, Linguagem e Crítica Cinematográficas em Salvador

postado em by Pablo Villaça 9 comentários

Está confirmado: o curso acontecerá em Salvador entre os dias 5 e 9 de janeiro (segunda a sexta), de 19 às 22 horas. Fechei uma parceria com o circuito Sala de Arte e com o Instituto Cervantes. Interessados, favor enviar email e divulgar para os amigos (matrículas em grupo têm desconto).

Dica bacaninha

postado em by Pablo Villaça 43 comentários

Há cerca de três anos, indiquei um site que, através de uma série de perguntas, adivinhava o personagem cinematográfico que o internauta tinha em mente. Embora o site tenha saído do ar desde então, um substituto já se encontra online: o Akinator – que, diferentemente daquele outro, também está programado para adivinhar personagens reais. Ele precisou de 13 perguntas para acertar Vito Corleone, 14 para apontar Marlon Brando e 17 para "matar" Wagner Moura. Divertidinho. 

Cena Misteriosa #21

postado em by Pablo Villaça 20 comentários

Ao se tornar o primeiro a identificar Saneamento Básico – O Filme como a origem da Cena Misteriosa #20, o leitor Robson França emplacou seu nome no hall dos vencedores da brincadeira. Escrito e dirigido por Jorge Furtado, o longa é uma impecável comédia que faz da metalinguagem seu principal motor e que, com um elenco afiadíssimo, faz rir do início ao fim. Furtado, aliás, até hoje não dirigiu um único filme (incluindo seus curtas) do qual eu não tenha …

Necrãofilia

postado em by Pablo Villaça 39 comentários

Um cachorro… uma patinha… um amor entre espécies. Mas, no trágico estilo Love Story, a pata morre. E, no mórbido estilo Psicose, é empalhada e reapresentada ao seu velho e irracional amor. Destaque para o primeiro beijo do reencontro, que resulta na queda do bico grudado porcamente. E, claro, para o plano final, que ilustra toda a insanidade do casal ao qual pertencem os animais. Ri muito. Sou doente assim.

Série Musas #10

postado em by Pablo Villaça 45 comentários

Só agora percebi que desde que mudei o sistema do blog não publiquei um post sequer da série Musas. Então… “Previously, on Musas: Fernanda Takai, Débora Bloch, Diane Keaton, Gong Li, Mari Alexandre (eu sei, eu sei… pode chamar de guilty pleasure), Jean Arthur, Jennifer Connelly, Juliette Binoche e Julie Delpy.” Pois a “musa” de hoje vem num impulso: toda vez que assisto a Dexter, fico um pouco mais apaixonado por Julie Benz. Portanto…