Jon Stewart fala sobre a mídia e a oposição brasileir… norte-americanas

Comentando a reação dos comentaristas da direita (Rush Limbaugh, equipe da Fox News, etc) sobre sua decisão de sair do The Daily Show, o comediante Jon Stewart exibiu uma série de clipes nas quais estes o acusavam de sistematicamente “mentir” sobre a direita, tirando o que diziam de contexto. Depois de mostrar um clipe no qual 50 mentiras ditas pela Fox News eram expostas, Stewart deu início a um monólogo que poderia perfeitamente ter sido dirigido à mídia reacionária brasileira e ao tipo de oposição que temos por aqui:

“Uma espécie de consenso sobre este programa tomou conta da direita: um pensamento com o qual se mostram tão confortáveis que nem se sentem na obrigação de oferecer evidências para comprová-lo: o de que distorcemos e mentimos o tempo todo para que fiquem parecendo ruins. Algo que pode ser resumido por esse cara aqui:

[CLIPE DE RUSH LIMBAUGH:] Jon Stewart ajudou a polarizar o país ao envenenar a marca Republicana.

“Envenenar a marca republicana?” Você está falando desta marca aqui?

[CLIPES DE VÁRIOS SEGMENTOS DO PROGRAMA DE LIMBAUGH NO QUAL ATACA FEMINISTAS, MINORIAS ÉTNICAS E ATÉ MESMO MICHAEL J. FOX POR EXIBIR SINTOMAS DE PARKINSON. ENTRE AS FALAS, A INACREDITÁVEL “SE HÁ UMA RAÇA QUE NÃO DEVERIA SENTIR QUALQUER CULPA PELA ESCRAVIDÃO, É A DE CAUCASIANOS”.]

Nós envenenamos… esta marca? Como se envenena uma fábrica de cianureto?

Mas o joguinho que eles praticam aqui é “a única razão pela qual a Direita tem má fama é porque esses caras são injustos conosco”. Nós não mentimos; não distorcemos. A questão é que a Direita gosta de fingir que nossa honestidade é o que mais importa para eles – o que, ironicamente, não é verdade. O que importa para a Direita é desacreditar qualquer coisa que eles acreditem prejudicar o seu lado. (…) Esta missão dirige seus ataques contra todas as instituições que formam a base do país que eles alegam amar tanto.

[CLIPES DA FOX NEWS ATACANDO TUDO QUE DIZ RESPEITO AO GOVERNO OBAMA E PINTANDO UM RETRATO DE QUE TUDO ESTÁ ERRADO, DE QUE O PAÍS ESTÁ VIVENDO UM CAOS COMPLETO E DE QUE O DESASTRE SE APROXIMA A QUALQUER MOMENTO GRAÇAS À GESTÃO DOS DEMOCRATAS, QUE SÃO CHAMADOS DE “LIBERAIS”, “ESQUERDISTAS” E MESMO “COMUNISTAS”.]

Todas as instituições sofrendo do “mal do liberalismo” e o que pode ser feito? Esta é a genialidade deles. Eles alegam querer “consertar” as coisas, mas os conservadores não querem fazer a Educação se tornar mais rigorosa e informativa ou a Ciência se tornar mais empírica e confiável ou os votos se tornarem mais representativos ou o governo se tornar mais eficiente… eles querem apenas que todas essas coisas reforcem seu ponto de vista partidário, ideológico e conservador.

Porque na mente deles, o oposto de “ruim” não é “bom”; o oposto de “ruim” é “conservador”. O oposto de “errada” não é “direita”, é… bom… vocês entenderam o que eu quero dizer. Eles julgam apenas pelo nível de conteúdo conservador. Em tudo. É seu único teste determinante. Mesmo coisas estúpidas.

[CLIPE DE APRESENTADORA DA FOX NEWS CONDENANDO O LIBERALISMO DE HOLLYWOOD POR NÃO DAR O OSCAR DE MELHOR FILME A “SNIPER AMERICANO” POR ESTE TER SIDO DIRIGIDO PELO REPUBLICANO CLINT EASTWOOD.]

Clint Eastwood é um ícone conservador há anos. Ele já venceu o Oscar de Melhor Diretor e de Melhor Filme neste meio tempo. Os “lunáticos esquerdistas” de Hollywood fizeram o filme, pra começo de conversa, e o indicaram a Melhor Filme!

E sabem qual é a parte mais triste disso tudo? Os republicanos e conservadores são tão incansáveis em seu impulso por pureza ideológica que as instituições sobre a qual eles reclamam continuam a ceder a eles. Pela mesma razão, acho, que você sempre vai ao restaurante escolhido por sua filha de quatro anos de idade: “Tá bom, nós vamos lá de novo! Só pare de chorar!”.

Quinze estados aprovaram leis novas sobre identidade de eleitores sem que houvesse qualquer evidência de fraude eleitoral; um comitê estadual em Oklahoma votou pra banir uma disciplina de História por não suavizar a escravidão o suficiente; “abstinência” foi aprovada como parte de “educação sexual”; e fatos científicos não são mais informados, mas debatidos.

Então vamos parar de fingir que essas concessões à Direita irão, em algum momento, saciar a fome da Besta.

[CLIPE DE SARAH PALIN CRITICANDO O PAPA POR SUAS DECLARAÇÕES LIBERAIS.]

O papa não é conservador o bastante pra essas pessoas. Então vamos parar de ceder a eles. Sua guerra cronicamente raivosa por pureza ideológica, em que todos os aspectos da vida se tornam uma batalha bidimensional pela alma do país, nos envelhece.

Só de assistir a ela, estou morrendo.”

postado em by Pablo Villaça em Política, Série Jornalistas