Balanço da Mostra

Estou com a sensação de dever cumprido: se no ano passado já havia ficado satisfeito em ver e escrever sobre 54 filmes, as 66 resenhas deste ano me deixaram particularmente orgulhoso. Além disso, bati meu recorde pessoal anterior de maior número de longas vistos numa única edição do evento, 60 (em 2005, na 29a. edição).

Ao todo, foram 24.444 palavras escritas (153.310 toques, no linguajar dos jornalistas) em 52 páginas do Word (fonte Times News Roman, tamanho 12, espaço simples entre as linhas).

Os destaques:

Hors concours:

O Poderoso Chefão

Os 10 Melhores:

Aquele Querido Mês de Agosto (Portugal, 2008)
Tulpan (Cazaquistão, 2008)
Loki – Arnaldo Baptista (Brasil, 2008)
Leonera (Argentina, 2008)
Che – O Argentino (EUA, 2008)
Valsa com Bashir (Israel, 2008)
Feliz Natal (Brasil, 2008)
Sinédoque, New York (EUA, 2008)
Adoração (Canadá, 2008)
Deixa Ela Entrar (Suécia, 2008)

Os 10 Piores:

Max Payne (EUA, 2008)
Os Aventureiros (Austrália, 2008)
O Agente (Inglaterra, 2008)
Julgamento (Portugal, 2007)
Um Natal Bagunçado (Alemanha, 2007)
Soul Carriage (China, 2007)
Varsóvia Sombria (Polônia, 2008)
Three Monkeys (Turquia, 2008)
História 52 (Grécia, 2008)
A Duquesa (Inglaterra, 2008)

O mais estranho:

Serbis (Filipinas, 2008)

postado em by Pablo Villaça em Cinema, Variados

5 Respostas para Balanço da Mostra

Adicionar Comentário