Série Leitor(a) do Dia #24

Nome: Leonardo de Oliveira Cunha (Belo Horizonte/MG)

Twitter: @leooc

Blogs: leooc.blogspot.com leooc.wordpress.com

Há quanto tempo você lê o Cinema em Cena? Como conheceu? E o blog?

Conheci o Cinema em Cena através do programa de TV, por volta do ano 2000. O site a princípio me afugentou, o achava confuso. Sobre o blog me marcou muito o post sobre o falecimento de sua avó. Só passei a segui-lo com afinco a partir de 2005. Voltei ao CeC na época da coluna Moviola do Ciccarini e do podcast com o Renato, Lara, Isabela etc. Hoje não perco um post, nem uma crítica, leio de cara aquelas de cujos filmes não tenho interesse em ver, passo o olho naquelas sobre o que estou em dúvidas e dos filmes que de certo não perderei deixo para ler depois de assistir.

Indique um livro para os colegas do blog.

Vou indicar o último livro que li: Meu último suspiro, de Luis Buñuel. E copio o que escrevi no GoodReads: “Um livro precioso, uma biografia não sobre fatos, mas sobre impressões e sentimentos, de um artista do século XX. Destaque para o momento em que Buñuel conjectura sobre os últimos momentos do amigo Lorca; para quando conta sobre sua mulher Jeanne; para o capítulo sobre coisas que aprecia e coisas que desgosta; e o capítulo final, pérola sobre a velhice e a iminência da morte. O Cinema acaba sendo apenas um detalhe, num relato sincero de uma vida intensa.”

Qual o seu filme favorito? E o que mais odeia?

Este negócio de filme favorito é difícil; lembro quando o Pablo não respondia a esta pergunta. Acho que melhor do que ficar se esquivando, a solução é eleger mesmo um sob todas as penas (abrindo mão de todos os outros!). O Pablo tem O Poderoso Chefão, Mark Kermode, crítico inglês que acompanho, tem o Exorcista. Então elegi já há um tempo A Primeira Noite de um Homem (The Graduate). Um filme até certo ponto simples, que funciona demais, com o qual me identifico muito, que tem uma trilha soberba, que revi mais que qualquer outro, que tem uma atuação belíssima do Dustin Hoffman. Outro golpe que dou em listas é citar trilogias; A Trilogia das Cores de Kieślowski, Trilogia O Poderoso Chefão, Trilogia Toy Story, Trilogia De Volta para o Futuro. (Não curto Guerra nas Estrelas, nem Senhor dos Anéis) Não tenho meu Rob Schneider. Mas odeio bem os filmes da Xuxa; vi Super Xuxa contra o Baixo-Astral no cinema e cochilei. Hoje evito ao máximo ver filmes ruins.

Qual sua ida ao cinema mais memorável? Por quê?

Acredito que foi Batman do Tim Burton. Tinha oito anos, acho que a classificação indicativa era acima disso, fui com a minha tia e ainda teve essa emoção, de ser ou não ser barrado. Todo aquele mundo foi muito novo para mim, foi uma experiência.

Cite três nomes do Cinema que gostaria de conhecer pessoalmente.

Vou citar dois que já vi pessoalmente, mas com quem gostaria de conversar. Dustin Hoffman, que vi no set de Tinha Que Ser Você em 2007, Sir Ian McKellen, que vi nos palcos londrinos com Patrick Stewart, e um para ficar mais plausível, Fernando Meirelles, de quem sou fã e que parece ser uma simpatia.

postado em by Pablo Villaça em Série Leitor(a) do Dia

6 Respostas para Série Leitor(a) do Dia #24

Adicionar Comentário